domingo, 6 de março de 2011

Sonhos



By: Monica Blue

A vida é uma guerra, muitas vezes injusta. Desde que somos biologicamente preparados para nascer temos que lutar, milhões de espermatozóides lutam para acertar o óvulo e neste momento começa uma soma de lutas para vencer. Você aprende que tem que se destacar, ou simplesmente deixa-se ser ordinário, igual aos outros, nem você presta atenção em você mesmo. Ser mais um na multidão, sem perspectiva, sonhos ou vontade. Aceitar o que vier. Desperdício de vida...
Nada vem ao acaso, nada vem sem luta, alguns precisam lutar uma vida inteira, outros uma luta por dia. Realizar um desejo podia ser fácil como nas histórias de contos de fadas, uma fada madrinha, um gênio ou mesmo uma estrela cadente, basta pedir e acontecer. Só que na vida real exige suor, lágrimas e sangue.
Eu aprendi desde pequena que não nasci para esperar ou para ser ordinária, ser comum, ser mais uma. Cada dia sempre foi uma luta, muitas vezes fui derrotada, mas jamais me deixei vencer. A dor de muitas perdas sempre ficaram cravadas e me acompanham, para alguns isso é motivo para desistir. Para mim, foi o motivo para continuar. Eu acredito no impossível e não desisto de sonhar. Sou consciente que alguns sonhos são bem mais difíceis de realizar, mas enquanto estamos vivos existe a possibilidade e me agarro a ela.
Destino. Ele é mutável, a cada caminho, bifurcação, escolhemos e o livre-arbítrio nos leva a outro caminho e assim sucessivamente, vamos trilhando e fazendo nossa própria história, o que acho a respeito do destino é que existam algumas situações que precisamos passar para aprendermos, compreendermos e nos melhorarmos, ou mesmo vivenciarmos.
Sonhos devem ser projetos, se você acredita e quer, você cria meios, metas e segue. Independente se te digam que é impossível. Siga o seu coração. A vitória não é para acomodados. É para aqueles que não desistem a cada tombo, a cada pedra, porque tropeçamos em pedras pequeninas, mas não podemos ficar no chão para sempre. É preciso levantar e voltar a olhar para o horizonte. Todos são aptos a realizar seus desejos e sonhos. Basta que lutem por isso e desejem do fundo da alma.
Você precisa primeiramente acreditar em você, em sua potencialidade, sua energia muda e te guia, te leva em frente. Lembre-se que podemos alcançar o céu. Antigamente era impossível imaginar que pudéssemos voar, mas teve alguém que acreditou, sonhou e planejou, graças ao seu desejo de ser vencedor hoje podemos ir a lugares rapidamente e chegamos ao céu através de aviões, balões, asa deltas e etc.
Sonhos são possíveis e através dos nossos sonhos podemos mudar o mundo, mesmo que o mundo de um simples alguém, mesmo que seja apenas seu próprio mundo interior. Não há sensação mais gostosa do que o prazer de realizar um sonho de saber que todo aquele caminho difícil e tortuoso que seguiu não foi em vão. Cada tentativa, cada momento de desespero, desilusão, lágrimas e até mesmo a solidão. Mas você chegou lá, onde você queria e diante disso você diz a si mesmo. Eu posso!
Sim, você pode. Todos nós podemos. Eu tenho meus sonhos e são tantos! E a cada dia que eu realizo um eu crio mais força para realizar outros, como um lista em que você vai riscando aquilo que adquire. Não é fácil.
Hoje me sinto uma privilegiada porque consegui alcançar mais um objetivo. Foi difícil, foram seis meses de luta, lágrimas, sofrimento, dor. Mas hoje, eu posso dizer que eu realizei mais um dos muitos sonhos. E isso me faz forte, e me tira do chão. Nesses momentos eu digo a mim mesma que posso voar e tantas vezes que me comparei a uma borboleta valeram a pena, de lagarta hoje me sinto borboleta.
Sei que esse ano é o ano de colher os frutos, e de várias mudanças, estou preparada para cada uma delas, com a cabeça erguida e os olhos cheios de emoção.
Hoje eu me reencontrei, depois de me reinventar. Superei, cresci. Consegui compreender que as dores da alma e do coração podem ser transformadas, mesmo que demore vidas para conseguir se resolver essas dores. Eu comecei hoje a fechar essas feridas abertas, é como se tivesse uma nova oportunidade de começar de onde parei da outra vez, só que agora com o conhecimento necessário para não errar de novo.
E você faz parte disso. Porque o antes retornou, de uma forma que uma ponte se abriu tornando possível que tudo se transformasse. Cada um há seu tempo percebe esse momento único do despertar. Eu despertei para mim mesma, consigo ver que o caminho que havia tomado de autodestruição por não te encontrar me dificultava e me afastava de reencontrar você, mas agora é diferente porque eu acredito que é possível. Mesmo que todos achem impossível. Um dia o véu cairá dos seus olhos, assim como caíram dos meus. Eu não tenho pressa.
Enquanto isso, vou realizando outros sonhos importantes e sei que você seguirá realizando os seus e em algum lugar nós escolheremos o mesmo caminhos que nos levará ao reencontro e quem sabe uma oportunidade de um caminhar paralelo, juntos, na mesma estrada, ou ao menos, sabendo que caminho o outro tomou e mesmo de longe um possa cuidar do outro.
Para alguns pode não ser nada, para outros pode significar tudo. Sei que uma porta se abre hoje. Você sentirá isso dentro de você. Talvez através de sonhos, ou saudade de algo que nunca viveu ou teve. O mistério que incomoda desde que você nasceu, um quebra-cabeças que sempre faltou uma peça, algo que sente e que se transforma através daquilo que você não compreende, mas que mostra ao mundo para que faça algum sentido. E faz. Acredite.
Talvez não faça sentido agora, ou faça. Essa desesperança vai se transformar porque eu acredito em você e não esqueço a promessa.
Esse sonho se tornará realidade, eu sei e você sabe.
É só uma questão de tempo.
É só uma questão de luta.
E eu estou pronta para realizar, estou pronta para lutar.
E você?

Nenhum comentário: