sábado, 26 de outubro de 2013

Até a última gota


De: Monica Lopes



Ela nunca encontrou o caminho certo
Meias calças rasgadas, uma camiseta branca escrito algo blasfemador.
Tudo é tão doloroso.
Vivendo nas sombras das ruas.
Sem alguma esperança.
Enquanto tem seus pesadelos.
Achando que está dormindo.
Algumas vezes ela finge estar viva e sentir o ar.
Outras finge que ama alguém de verdade para saber como é
Sentir o coração bater pelo menos uma vez.
Vivendo nas sombras sem alguma esperança
Sem conseguir simplesmente dormir.
A única chance é fugir de si mesma.
Ninguém entende, ninguém compreende seu olhar triste e sofredor.
Acham sua vida boa, enquanto ela desmorona nas sombras.
Um sonho ruim, uma alma sombria, dor e desespero.
Escondidos por um sorriso quebrado.
Ninguém para prestar atenção que ela sente falta de algo.
Todo mundo ocupado demais em apenas sugá-la até a última gota.

Nenhum comentário: