sexta-feira, 14 de maio de 2010

GIRANDO























“Girando sobre meus próprios pés,
Mãos abertas sinto-me voar.
A noite escura torna-se clara.
Pela luz da lua,
Ou o calor que queima dentro de mim.

Você tem noção o que faz comigo?
Você sabe o quanto te quero?
Eu espero você quando o céu escurece.
Continuo esperando quando ele amanhece.

Onde está você que nunca chega?
As ruas são cheias de rostos estranhos.
Eu ando como um fantasma.
Eu vivo como em um sonho.
Você sente minha falta?
Você precisa de mim?
Eu olho as estrelas a pensar.
Meus sonhos tentam me animar.

Viver é melhor que sonhar?
Pensa em mim como penso em você?
Ama minha alma como amo a sua?
Voando sob a escuridão.
Dançando sob o sol.
Alegria, sorrir, viver.

Meu coração será sempre seu.
Minha alma será sempre sua.
Meu amor será sempre, sempre seu.”


Beijussssssssssssssss

Um comentário:

Blyef disse...

Simplesmente linda e romântica! Eu amei... De uma leveza de amor puro misturada com o calor afável da paixão, simplesmente perfeita.