segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Desisti



Erguendo-me do chão
Voltando a acreditar apenas em mim mesma.
Eu tenho que ir
Apenas desisti.

O sol continua brilhando como sempre esteve.
As estrelas iluminando o caminho.
Eu estou bem.
Apenas desisti.

Já fomos quebrados em dois.
Agora não há mais chance de encontrá-lo.
Como um tesouro sem mapa.
Apenas desisti.

Já procurei demais.
Esperei demais.
Quando acreditei demais.
Eu apenas me decepcionei.

Vidrilhos parecem diamantes.
Tenho encontrado apenas os primeiros.
E sempre saem triunfantes.
Apenas desisti.

Nada parece justificar como me sinto
Depois que tudo tem fim e eu acordo.
Não há primavera, nem sol da manhã.
Apenas mentiras e meias verdades.
Por isso desisti.

Tudo ficará bem como tem que ser.
Continuarei bastando para mim mesma.
O vazio continuará onde está.
E essa busca infundada tem que parar.

Apenas me responda:
Eu ainda devo acreditar?

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Tão difícil / So hard


Tão Difícil
Por Monica Blue


Procuro algo nas ruas escuras
Talvez um obscuro segredo
Ou apenas um doce beijo.

Observo as estrelas no céu
Elas me chamam e me mandam um sinal.
Imploro à lua que me leve até você.
Que me mostre o caminho afinal.

Eu sei que não é nas ruas que encontrarei
Aquilo que tive com você.
Os lugares que nos amamos.
Os lugares que brigamos.

Não é fácil
Se toda canção me faz lembrar você?
Sofro, choro, desejo.
Quero você outra vez nos meus braços e enlouquecer de prazer.

É difícil, muito difícil
Segurar a dor do meu coração.
É difícil, muito difícil.
Controlar a emoção.

O céu brilha um azul diferente.
Mas você não está lá.
Sinto muito sua falta.
Quando éramos a gente.

O orgulho marca a alma eu sei.
Mas a falta fere o coração.
Espero que você me perdoe algum dia
Por que sei que te magoei.

A liberdade é uma ilusão.
A solidão não tem compaixão.
Quero-te de volta como foi um dia.
Quero-te de volta tocando e cantando.
Sonhando.

Simplesmente me amando.
Outra vez.

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Escuridão


Saudades dos Anjos Caídos e principalmente do meu amigo Phillippe, para matar saudades, o poema dele. Quem leu o livro já conhece quem ainda não leu um gostinho...

“Ele sente frio, sente falta de tudo
que deixou para trás o caminho de casa
agora está longe demais.

Os minutos correm, jogos que não se entendem
vidas que se perdem.
Ele percorre corredores sem saídas,
apenas beijos de despedidas.

O sangue e os cabelos ao vento
dor e tormento.

A luz cada vez mais longe do seu pensamento.
Andando sobre a água vivendo entre o Sol e a Lua
em busca de luz escondendo a alma nua.

Paredes frias de hotéis as camas estão vazias.
Deixe-me guiar você na escuridão.
Brincando com o fogo
vivendo entre a realidade e a alucinação.

O medo brilha como ouro.
E ele voa nas asas do vento
tentando esquecer o juramento.

Todas as coisas que achou que importavam
não fazem mais parte do seu mundo.
Já esqueceu em um segundo.

E o significado de uma rosa vermelha,
é o mesmo que um coração despedaçado.
A sensação de perda e de dor
as lembrança de um passado de amor.

Caminhando sobre as nuvens
estando entre um sonho e um coração partido.
Deixe que a chuva lave sua alma.
Deixe que eu seque suas lágrimas.

Vejo-o seguir pela estrada sem rumo, sem direção.
Levando a vela, seu objeto de afeição,
ambígua significação:
enquanto traz a luz a cera queima seu coração.

Ele está perdido entre os escombros
de sua própria solidão.

Eu estou aqui vendo-o sucumbir tentando fazê-lo sair.
Enfim, libertá-lo de sua própria prisão...”

*****************************
By Monica Blue


"He feels cold, miss everything
who left behind the way home
is now too far.

The minute run, games that do not understand
lives that are lost.
He walks the corridors without exits,
only kisses goodbye.

The blood and hair in the wind
pain and torment.

The light farther away from your thoughts.
Walking on water, living between the Sun and the Moon
for light concealing the naked soul.

Cold walls of the hotel beds are empty.
Let me guide you in the dark.
Playing with fire
living between reality and hallucination.

Fear shines like gold.
And he flies on the wings of the wind
trying to forget the oath.

All the things we thought mattered
no longer part of your world.
Already forgotten in a second.

And the meaning of a red rose,
is the same as a broken heart.
The sense of loss and pain
the memory of a past love.

Walking on clouds
being between a dream and a broken heart.
Let the rain wash your soul.
Let me dry your tears.

I see him following the road aimlessly, without direction.
Taking the candle, his object of affection,
ambiguous meaning:
while bringing to light the wax burns his heart.

He is lost among the rubble
of his loneliness.

I'm here seeing him succumb trying to make him leave.
Finally, release him from his own jail ... "

(Parte integrante do livro Anjos Caídos - protegido pelas leis de direitos autorais)

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

CONCURSO CULTURAL




Vamos votar em ROBSON REIS
Tenho muitos amigos que merecem conhecer a Stephanie Meyer pessoalmente, mas tem um em especial que trabalhou durante 2 anos gratuitamente para ela, desenhando, fazendo tirinhas e vivendo em função do crepusculinho. Acho que ele merece muito ganhar esse concurso, conhecê-la e mostrar o fruto de seu trabalho. É o meu amigo e parceiro Robson Reis que fez as ilustrações do Anjos Caídos, e a capa dos próximos.

Então você como meu amigo poderia dar essa força basta acessar o link e clicar no Curtir ou Like

Agradeço a colaboração! E para os outros boa sorte.


Como Crepúsculo Mudou Minha Vida...
Postado por Robson Reis às 13:12
Oi pessoal, gostaria e pedir a colaboração de vocês com minha participação no concurso cultural da Intrínseca. Se você tiver Facebook é só ir lá e dar um curtir na minha resposta, tá certo o prêmio é ganhar uma viagem para conhecer a Stephanie Meyer, todo mundo quer, etc e tal, porém, se for ver eu mereço né? =D


Estou a 2 anos trabalhando de graça para ela e ela nem sabe que eu existo. Serie uma forma de conseguir que Crepusculinho se torne algo oficial. Ou que seja processado, vai saber hahahahahaha.

Para me ajudarem é só


CLICAR AQUI


http://www.intrinseca.com.br/crepusculo/concursocultural/particip/show/325


E CURTIR MINHA RESPOSTA!


Na hora de ver minha resposta vocês poderão notar um erro terrível logo de cara, tem um "Fiz Fazer" logo inicialmente, mas tive que editar esse texto tantas vezes para caber nos mil caracteres que acabou que passou esse erro tosco.

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Ser anjo está me pesando

Asas me seguram.
Ser anjo está me pesando demais.
Acho que preciso cortar as asas e começar a respirar.
Algumas vezes é preciso ficar um tempo nas trevas para poder voltar a valorizar a luz.

UMA MÚSICA QUE ESTÁ ME AJUDANDO AGORA, DO MEU AMIGO RYAN STAR.

Breathe
Ryan Star
Respire
Ela está bem, a maior parte do tempo
Ela leva os dias dela com um sorriso
Ela se move como uma bailarina com luzes
Girando ao redor do som
Algumas vezes ela cai


Respire, apenas respire
Tire o mundo de cima de seus ombors
E coloque nos meus
Respire, apenas respire
Deixe a vida que você vive
Ser tudo que você precisa


Ela gosta de Nova York a noite
Ela sonha que está correndo para longe
Brilhando, claro como o sol
Mesmo quando o céu se torna cinza
Eu preciso de você para me escutar dizer
Eu preciso de você para me escutar dizer


Respire, apenas respire
Tire o mundo de cima de seus ombros
E coloque nos meus
Respire, apenas respire
Deixe a vida que você vive
Ser tudo que você precisa


Deixe todo o medo
Deixe toda a dúvida
Deixe tudo
Por que tentar colocar você pra baixo?
Você vai ficar bem
Não segure isso dentro
Se você se machuca agora
Quando deixa isso tudo vir pra fora


Respire, apenas respire
Tire o mundo de cima de seus ombors
E coloque nos meus
Respire, apenas respire
Deixe a vida que você vive
Ser tudo que você precisa


Respire, apenas respire
Tire o mundo de cima de seus ombors
E coloque nos meus
Respire, apenas respire
Deixe a vida que você vive
Ser tudo que você precisa

Quem quiser conferir a música e o clipe, está no youtube.
Respire
Ela está bem, a maior parte do tempo
Ela leva os dias dela com um sorriso
Ela se move como uma bailarina com luzes
Girando ao redor do som
Algumas vezes ela cai


Respire, apenas respire
Tire o mundo de cima de seus ombors
E coloque nos meus
Respire, apenas respire
Deixe a vida que você vive
Ser tudo que você precisa


Ela gosta de Nova York a noite
Ela sonha que está correndo para longe
Brilhando, claro como o sol
Mesmo quando o céu se torna cinza
Eu preciso de você para me escutar dizer
Eu preciso de você para me escutar dizer


Respire, apenas respire
Tire o mundo de cima de seus ombros
E coloque nos meus
Respire, apenas respire
Deixe a vida que você vive
Ser tudo que você precisa


Deixe todo o medo
Deixe toda a dúvida
Deixe tudo
Por que tentar colocar você pra baixo?
Você vai ficar bem
Não segure isso dentro
Se você se machuca agora
Quando deixa isso tudo vir pra fora


Respire, apenas respire
Tire o mundo de cima de seus ombors
E coloque nos meus
Respire, apenas respire
Deixe a vida que você vive
Ser tudo que você precisa


Respire, apenas respire
Tire o mundo de cima de seus ombors
E coloque nos meus
Respire, apenas respire
Deixe a vida que você vive
Ser tudo que você precisa

Quem quiser conferir a música belíssima, o vídeo está no youtube:

http://www.youtube.com/watch?v=2jjAb0_vGRE&feature=related

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Quem me dera

Por: Monica Blue

Quem me dera ter luz suficiente.

Quem me dera ter asas para chegar até aí.
Quem me dera ter um minuto da sua atenção completamente.

Quem me dera ter apenas uma pitada do seu amor...

*******************************************************

I wish I had enough light.

I wish I had wings to get there.

I wish I had one minute of your attention completely.

I wish I had just a little of your love ...

sábado, 15 de janeiro de 2011

Coisas sem preço

Aqui estou eu novamente falando de amizade. Sim, meus amigos são tão especiais que sempre tenho que dedicar algum post a eles.

Gostaria de deixar registrado aqui um presente que chegou pelo correio para mim de surpresa, e em um momento muito delicado em minha vida. Esse gesto trouxe tanta esperança e fé ao meu coração que a única coisa que posso dizer é agradecer à Deus por ter uma amiga tão linda e especial como você Rayane que me proporcionou essa emoção tão maravilhosa.

Obrigada Ray, amei muito seu presente!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Ainda bem que a amizade é algo que ainda não colocaram preço.
Obrigada Ray!!!!!

Conexão


CONEXÃO
Por: Monica Blue

conexão (cs)
(latim connexio, -onis)
s. f.
1. Estado de coisas ligadas. = LIGAÇÃO
2. Enlace ou vínculo entre pessoas ou entidades.
3. Relação ou ligação lógica. = COERÊNCIA, NEXO
4. Analogia.

(Dicionário Aurélio)

Hoje algo que me aconteceu me fez pensar o que é uma conexão, o que faz com que as pessoas se conectem, sintam uma ligação, uma proximação, uma empatia, uma simpatia inexplicávelmente.
A cor do cabelo, o jeito de vestir, as músicas preferidas, os gostos, as dores, as felicidades. O que nos liga uns aos outros de uma forma tão forte e singular?
Atualmente essa conexão expandiu-se de tal forma e maneira que existem pessoas que não conheço pessoalmente (acredito que muita gente passe por isso), mas que no entanto, me conhecem mais do que aqueles que habitam sob o mesmo teto que eu. Existem umas conexões tão fortes que as pessoas simplesmente sabem o que eu sinto apenas pensando em mim, mesmo que eu continue dizendo as mesmas palavras de sempre e as mesmas carinhas de humor.
O que nos ligam assim, bilhões de pessoas habitam o mesmo planeta que nós e algumas simplesmente entram na nossa vida física ou virtual e simplesmente mudam tudo, até nossas concepções e paradigmas.
Estou falando em conexão e não em quantidade de amigos no facebook, orkut ou redes sociais. Você pode ter três mil contatos no facebook, mas desses, uns cinco realmente você tem essa real conexão.
Empatia, sintonia, energia. É sentir quando algo vai bem, ou algo vai mal. É saber que aquele alguém precisa de você. É ir buscar o telefone e ele tocar e ser a pessoa para quem você ia ligar.
É olhar para a pessoa e saber exatamente o que seus olhos querem dizer, é saber que a alma dela se mostra pra você em simples energia, em simples sintonia. E algumas vezes palavras são extremamente desnecessárias.
Hoje eu não existo para muita gente, não faço parte do mundo de muitos. Mas para várias eu faço, e tenho uma conexão, uma bem forte, capaz de transpor distância, preconceitos, sentimentos, saudaes, segredos e outras coisas.
O toque físico é importante, mas tenho descoberto que o toque energético, emocional é muito mais forte, ele nos conecta sem medo, sem meias palavras, somos quem somos, sem medo de encarar o outro.
Isso não quer dizer que o contato físico seja desnecessário, ao contrário, é importantíssimo, hoje por exemplo eu queria um abraço de um amigo que está há quilômetros de distância, queria ouvir as palavras dele sussurradas em meu ouvido e seus conselhos sábios olhando nos meus olhos, mas só me resta usar a imaginação para isso. Essa é a parte ruim.
Somos humanos e precisamos de outros humanos, e assim continuamos a nossa espécie e a nossa permanência no planeta. Conectando-se uns aos outros, mesmo que agora virtualmente.
Enquanto eu não aparecer na sua vida fisicamente ou virtualmente eu simplesmente não faço parte dela e se eu morrer ou desaparecer para você não fará falta alguma.
E assim são muitas outras pessoas que nunca vi e nunca verei.
Mas aquelas que fazem parte de mim, que são energeticamenmte compatíveis, esses sentem até minhas lágrimas, minhas dores, minhas alegrias, meus vôos. Faço parte e sou importante e devo a elas minhas lutas, não me entregar, devo ter esperanças e tentar até o fim, porque para eles é importante que eu acredite. Por que eu farei falta quando não estiver mais aqui.
Enfim, o que quero dizer é que não é a quantidade de amigos que você tem que fará de você alguém especial, mas sim a qualidade da amizade, a energia que existe entre vocês, a cumplicidade, a troca, a verdadeira conexão.
Não a conexão da internet, mas a conexão de almas.

*****************************************************************************
CONNECTION

connection (cs)
(Latin connexio,-onis)
s. f.
1. State of things connected. CONNECTION =
2. Link or connection between persons or entities.
3. Relation or logical connection. = CONSISTENCY, NEXUS
4. Analogy.

Today something happened to me made me think that is a connection, which causes people to connect, feel a connection, an Approach, empathy, sympathy inexplicably.
The color of the hair, the way you dress, your favorite music, tastes, pains, the joys. We are linked to each other in a manner so strong and unique?
Today that connection has expanded in such form and manner as there are people who do not personally know (I believe that many people pass through it), but nevertheless, I know more than those who dwell under the same roof as me. There are connections so strong that people just know what I'm only thinking of me, even though I keep saying the same words and always faces the same mood.
What bind us so billion people inhabit the same planet as us and some just come in our life and physical or virtual simply change everything, even our conceptions and paradigms.
I'm talking about connection rather than quantity of friends on facebook, orkut and social networks. You can have three thousand contacts on facebook, but of those, about five really you have this real connection.
Empathy, harmony, energy. You feel when something goes well, or something goes wrong. It is knowing that someone needs you. You pick up the phone and it rings and be the person you'd call.
You look at the person and know exactly what your eyes want to say, is knowing that her soul is shown to you in simple energy in simple harmony. And sometimes words are very unnecessary.
Today I do not exist for many people, I'm not part of the world for many. But for many I do, and I have a connection, a very strong, capable of crossing distance, prejudices, feelings, salute, secrets and stuff.
The physical touch is important, but I have discovered that the tap energy is much stronger emotionally, it connects us without fear, without mincing words, we are who we are, without fear of facing each other.
This does not mean that physical contact is unnecessary, rather, it is important today for example I wanted a hug from a friend who is miles away, wanted to hear his words whispered in my ear and his wise counsel looking into my eyes, but I can only use your imagination for that. That's the bad part.
We are human and we need other humans, and we keep our species and our stay on the planet. Connecting to each other, even though now virtually.
While I do not see in your life either physically or virtually I just do not do her part and if I die or disappear for you will not foolishly.
And so are many others who have never seen and never will again.
But those who are part of me that are compatible energeticamenmte, until they feel my tears, my pains, my joys, my flights. I belong and am important and I owe them my struggles, I do not deliver, I have hope and try to end, because for them it's important I believe. Why I'll miss when you are not here anymore.
Anyway, what I mean is that no amount of friends you have that make you someone special, but the quality of friendship, the power that exists between you, the complicity of the exchange, the real connection.
No Internet connection but the connection of souls.

´

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

SONHOS/DREAMS

By Monica Blue

I dreamed of you again.
What separates our souls in dreams from reality? What is after all a dream? An alternate universe parallel to our mind wander over there while our eyes and senses rest? A development that makes our souls leave our bodies and go to places that the body can not reach or go meet people at the moment is physically impossible.
It has some dreams so real, so strong, that sometimes we can smell, touch, heat when we open our eyes. Or do I just feel it? I have a feeling that my body lives in a world and my soul lives on another. Each in its reality.
Clear that some dreams are absurd, when we dream running, jumping rooftops, and super heroes. And nightmares? Maybe our soul will find its way unprotected sucked into the dark places of our emotions astral bad.
But what I really want to refer those dreams is perfect, he dreams that make you not want to wake up, you know you're dreaming and any false move you back to your body, and so clear that you do not want.
Again we find ourselves, as it prevents the reality that this meeting takes place. And again everything felt his touch, his smile, his look, his kindness, his being a wonderful and unique.
Again we changed so much information that I wake I'm still giddy and can not coordinate them. Or perhaps not even all of a sudden are secrets that only our souls should know.
Sometimes those dreams make me happy, and we found us a few moments under the happiness in our hands, our souls, in our hearts. However, sometimes it hurts when I open my eyes and you're not there. The uncertainty you feel, you'd remember me know that I was with you rips my chest, and sadness takes over. The shadows hide the light that I brought the meeting and spend the day sad, tearful, bitter.
And if you remember? And if you ask who is the one that inhabits your dreams, that makes your heart feel different, that makes you feel completely different. Only I know who you are, but you do not know me. Not in this reality, not in this body I inhabit.
Dreams, fine line between reality and frustration. I wish I could live over there, just thinking, being happy at his side, feeling the full power and love, while the stars will give rise to the day.
Will we one day the dream and reality will found? And you will finally live my real world? Did you ever find me?
Would you fall for me? How would I do for you?
My angel without wings.
My star on Earth.

Do you remember?
******************************


SONHOS

Sonhei ocm você novamente...

O que separa em nossas almas o sonho da realidade? O que é afinal um sonho? Um universo alternativo, paralelo que nossa mente vagueia por lá enquanto nossos olhos e sentidos descansam? Um desdobramento que faz com que nossa alma saia de nossos corpos e vá a lugares que o corpo não alcança ou vá encontrar com pessoas que no momento fisicamente é impossível.
Tem alguns sonhos tão reais, tão fortes, que algumas vezes conseguimos sentir o cheiro, o toque, o calor quando abrimos os olhos. Ou será que só eu sinto isso? Tenho a sensação de que meu corpo vive em um mundo e minha alma vive em outro. Cada um em sua realidade.
Claro que alguns sonhos são absurdos, quando sonhamos fugindo, pulando telhados, sendo super heróis. E pesadelos? Talvez nossa alma desprotegida acabe chegando a lugares obscuros sugados por nossas emoções de astrais ruins.
Mas o que eu quero mesmo me referir é aqueles sonhos perfeitos, aquele sonhos que te fazem não querer acordar, que você sabe que está sonhando e qualquer movimento em falso você volta ao seu corpo, e isso claro que você não quer.
Outra vez nos encontramos, já que a realidade impede que esse encontro se realize. E novamente senti tudo, seu toque, seu sorriso, seu olhar, sua bondade, seu ser maravilhoso e único.
Mais uma vez trocamos tantas informações que quando acordo ainda estou zonza e não consigo coordená-las. Ou talvez não deva mesmo, de repente são segredos que apenas nossas almas devem saber.
Algumas vezes esses sonhos me fazem feliz, por termos nos encontrado e por alguns momentos termos a felicidade plena em nossas mãos, em nossas almas, em nossos corações. Porém, outras vezes dói quando abro meus olhos e você não está lá. A incerteza de que você sinta, que se lembre de mim, que saiba que eu estive com você dilacera meu peito, e a tristeza toma conta. As sombras escondem a luz que eu trouxe do encontro e passo o dia triste, chorosa, amarga.
E se você lembrar? E se você se indagar quem é essa que habita seus sonhos , que faz seu coração sentir diferente, que faz você se sentir completamente diferente. Só que eu sei quem você é, mas você não me conhece. Não nessa realidade, não nesse corpo que habito.
Sonhos, linha tênue, entre a realidade e a frustração. Queria poder viver do lado de lá, apenas acreditando, sendo feliz ao seu lado, sentindo a energia e o amor pleno, enquanto as estrelas vão dando lugar ao dia.
Será que um dia o sonho e a realidade se fundarão? E você virá finalmente habitar meu mundo real? Será que algum dia você me encontrará?
Você cairia por mim? Como eu faria por você?
Meu anjo sem asas.
Minha estrela na Terra.

Você se lembra?

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

SEMPRE HÁ UMA CHANCE


Por: Monica Blue


Venha até mim agora.

Apenas segure minha mão.

Olhe nos meus olhos.

Tire-me da escuridão.


Faça-me acreditar.

Que estou quebrada em dois.

Eu só queria ir para casa.

E amar depois.


Eu só queria voltar a acreditar.

Abra a porta novamente.

Mostre-me seu rosto outra vez.

Só você possui a chave.


Jamais amei alguém

depois que você se foi.

Toda vez parece que você vai embora.

Mesmo antes de chegar.


Eu apenas quero voltar a acreditar.


Deve haver algo mais do que dor nessa vida.

Existirá um pouco de amor para se compartilhar?

Poder voltar a ser eu realmente?

Correr pela grama.


Ouvir que me ama.

Deitar nas flores perfumadas.

Olhar para o céu azul acima de nós.

Deve existir esse lugar.


Será que eu ainda existo depois de tanto sofrimento?

Eu quero apenas acreditar.

Segure a minha mão onde quer que esteja.

Saia dos meus sonhos.


Torne-se real

eu sei que você é.

Deixe de se esconder.

O medo é natural.


Faça-me acreditar.

Faça-me tentar.



terça-feira, 11 de janeiro de 2011

FELIZES PARA SEMPRE

Por: Monica Blue

Nem mesmo sonhos duram para sempre, quanto mais um casamento. As pessoas continuam a acreditar que a continuação de algo é felicidade, mas nem sempre.
Cresci lendo e acreditando que a Cinderela casou com o Príncipe e foi feliz para sempre, o mesmo para Branca de neve e para a Bela Adormecida que despertou todo seu reino com apenas um beijo de amor. Sapos que viram príncipes, amores que duram para sempre.
Para sempre.
Palavra pesada, uma vez que somos mutáveis, hoje queremos algo e amanhã outra coisa já nos atrai, não falo de traição, falo de sonhos.
Ninguém diz que o “felizes para sempre” continua quando você tem que trabalhar, cuidar de filhos barulhentos, hiperativos que chamam a cada minuto por você, que o vizinho reclama se aumenta o volume do som, se você está com dor de cabeça, se você não é a fame fatale, se você hoje não está a fim de arrumar nada, quer simplesmente pegar uma comédia romântica e sentar no sofá assistir e ri da desgraça alheia e esquecer da sua prórpria.
O amor não é um pacote que vem pronto, mas também não acredito nessa historinha que é uma plantinha que vai crescendo dia a dia, isso pra mim tem outro nome. Ou você ama ou não ama. O amor pode virar ódio. Mas o contrário ainda não presenciei. Ele não cresce com o tempo, com o convívio. Prefiro chamar isso de comodismo, de medo de perder algo que desde que mundo é mundo é sinal de perfeição, um casal perfeito! Felizes para sempre.
O casamento errado não tem felizes para sempre, não tem continuação exata. É uma soma de dias que vão se acumulando. Frustrações que vão sendo guardada em corações solitários. Sem compartilhar, apenas estão ali, um pelo outro, preservando algo que nem acontece de verdade, é apenas um “feliz para sempre” da porta de casa para fora. Por dentro da pessoa a história é outra, felicidade é palavra sem descrição.
Os sonhos já eram, se é que um dia existiram. Para muitos isso se estende anos e anos, quando olha-se para os filhos é melhor deixar passar o tempo, eles crescerem para poderem entender que os pais não são perfeitos e que não nasceram um para o outro, que se perderam em um caminho e não souberam como sair dele sem várias pessoas machucadas.
Machucar. Será que machucar-se dia a dia, morrer um pouco, privar-se da liberdade, da vontade de viver não é simplesmente um momento de auto martírio? Obrigar-se a dar prazer para outrem sem pensar em si. Perceber como cinco minutos algumas vezes podem parecer horas infindáveis?
No “felizes para sempre” não há passeios de mãos dadas, um vai sempre na frente e o outro segue, como duas pessoas desconhecidas que vão para o mesmo caminho. Não há tempo para sentar em um banco da praça e olhar juntos para o céu e dar nome às estrelas. Olhar como a lua está bela e iluminando tudo com sua luz prateada.
Ninguém conta que a Cinderela ficou frustrada com as traições do Príncipe. Que isso a magoara eternamente, aquele amor simplesmente transformou-se em viver junto. O felizes virou apenas para sempre.
Quando o homem está exausto do “felizes para sempre” ele dá um jeito, demora mais no trabalho, vai tomar algo com algum amigo do escritório, ou amiga, ou quem sabe estagiária ou aluna. Vive um momento “feliz enquanto dure” como diria Vinicius de Moraes e volta para casa como se nada tivesse acontecido, toma um demorado banho, não para limpar-se da culpa por ter deixado a princesa adormecida ou atarefada demais para perceber que ele estava assobiando depois de tanto tempo. Mas, para relaxar e começar novamente a viver no seu castelo fingindo que continua feliz. Com beijo no rosto, abraços frios e olhares não mais cúmplices. Apenas vidrilhos sem chama.
Depois de tanto tempo eu percebo que não existem finais felizes, existem finais que são eternos enquando durem (citando novamente Vinícius). O amor é como uma topada ou se sente na hora latejar, doer, fazer todo sangue do seu corpo ir para um único lugar e sua cabeça querer explodir, ou simplesmente não acontece.
Não quero que pensem que estou generalizando. Existem casais felizes, que após cinquenta anos de casados ainda contemplam pequenos momentos juntos, como o simples ato de ver o pôr do sol juntos, ou uma caminhada, um café da manhã. Eu conheço e digo que é de verdade!
Existem casamentos e casamentos, “felizes para sempre” e “felizes para sempre”.
O que quero deixar registrado aqui é que nada é perfeito e que nada dura para sempre. A não ser que realmente seja algo único e verdadeiro. O que é apenas ilusão se desmancha com a mesmisse do comum. E então como diria Renato Russo “ e o para sempre, sempre acaba.”
Algumas vezes é difícil perceber quando acaba, principalmente quando já se começou sem. Quando tudo que você teve foi uma história sonhada por outros, feliz para outros e modelo para os outros.
Acho que por isso demorei tanto para casar, meu apelido em família era “noiva em fuga” referente ao filme da Julia Robert que tenta casar diversas vezes e foge de todos. Esse rótulo “Felizes para sempre”, perturbou-me a vida toda. O mais ou menos me perturbava e se não existisse amor que pudesse durar para sempre e superar os sofrimentos e dores que vi meus pais passarem? E se quem eu escolhesse para ficar comigo não compreendesse minha independência, minha liberdade espiritual?
A gente erra, principalmente quando acreditamos em finais felizes, eles são utopia para que a população continue, que se mantenha o tradicionalismo do casamento e daquela coisa toda vinda de muito tempo atrás. Noiva que sorri, noivo que sua, e todos se divertem, comem, e no dia seguinte começa o “felizes para sempre” quando ele não encontra as meias que levou para a viagem ou pede o café da manhã errado na manhã seguinte.
Peraí, não sou contra casamento, nem finais felizes. Quero que fique claro. Acredito na Cinderela, na Branca de neve, na Bela Adormecida e na Fiona do Sherek, se bem que essa última está mais próxima da realidade.
Estar no mesmo lugar eternamente não significa que o amor permaneça ali, ou que já existiu um dia.
Viver feliz para sempre deve ser algo muito bem pensado porque os dias pesam, as responsabilidades pesam e você vai perdendo sua identidade com o tempo. Vai deixando de ser quem você era, de acreditar em quem você seria. É morrer um pouco a cada dia.
Não estou dizendo: “Fiquem solteiras que é melhor”, mas se tiver que casar só por casar, para ter uma super festa ou para prestar contas a uma sociedade totalmente hipócrita que faz com que a mulher seja fiel e o homem infiel como se isso fosse natural, melhor sim ficar solteira por conta própria. Deixem essa obrigação para as coitadas das mulheres do século dezoito que não tinham como escapar desse destino.
Amem quem queiram amar, mesmo que fuja dos padrões, mesmo que não seja um príncipe seja apenas um sapo, mesmo que seja tudo aquilo que ninguém quer pra você, mas ame, viva intensamente. Porque a vida é curta e não vale a pena se prender a papéis e burocracias que deixarão você escrava de comodismos e falsos sorrisos.
Já disseram que viver tem que ser mais do que simplesmente respirar e viver com alguém que não se ama com alma, é deixar de respirar um pouco a cada dia, até que os pulmões deixem de exercer sua função, ou o coração apodreça e deixe de bater.
Por medo de agir, deixamos de existir.
Por medo de tentar, deixamos de ser felizes.
O amor e a paixão andam de mãos dadas, nem estou falando de sexo, estou falando de curtir simples momentos da vida, um abraço, um beijo, um luar, uma viagem, um pôr do sol, uma canção em comum juntinhos, um filme que agrade ambos, uma fugida em uma noite de semana, um presente inesperado, um sorriso sincero de alegria por vê-lo ou vê-la chegar. Um bilhetinho deixado em algum lugar, uma foto especial, uma palavra no momento certo, ou ao menos tenmtar descobrir qual o motivo da tristeza em seus olhos.
Admirar a beleza dormindo ao seu lado, como um anjo cansado de lutar, cada perfeição, cada ruga, cada cílio, cada pedacinho, cada pelo que habita aquele corpo inerte no mundo dos sonhos. Aquele pedacinho do céu só seu, que você tem a certeza de que quando abrir os olhos olharará para você e sentirar-se feliz por você simplesmente existir e estar alí ao seu lado.
Felizes para sempre não é conto de fadas, é saber escolher a pessoa certa para amar, não se confundir com falsas ilusões, nem deixar-se impor condições ou pessoas a sua vida, mesmo você. Tentando evitar a solidão ou a pressão de ser a única solteira da turma. Antes assim do que infeliz por uma vida inteira.
O verdadeiro amor de almas é eterno, é único e é perfeito, só que poucos tem paciência para esperá-lo.
Sejam felizes. Mesmo que não seja para sempre.
Simplesmente sejam....
Felizes para Sempre!

Soneto do Amor Eterno

De tudo, ao meu amor serei atento
Antes e com tal zelo, e sempre e tanto
que mesmo em face do maior encanto
dele se encante mais meu pensamento.
Quero vive-lo em cada vão momento
e em seu louvor hei de espalhar meu canto
e rir meu riso e derramar meu pranto
Ao seu pesar ou ao seu contentamento.
E assim quando mais tarde me procure
quem sabe a morte, angustia de quem vive
quem sabe a solidão, fim de quem ama
Eu possa me dizer do amor (que tive):
Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure.
Vinicius de Moraes

sábado, 8 de janeiro de 2011

MY STAR

Congrats my shining star. Hope you enjoy. By the way, a toast!


"If you're waiting for love
I'm here waiting for you.
I will save you from pain.
Give away my name.
If you're waiting for love.
I'm waiting for you.
We all want fame and love.
Test my blood and I'll test your tears.
Some things never change, my dear ... "
(Ryan Star)

MY STAR

By Monica Blue

The words seep through the pen as feelings encoded.
Sweet words, harrowing, joyful, so much to say to you.
I just wanted to sleep looking at you sleeping.
Say good night whispering in his ear.

The sky has so many shining stars, but only one matters,
one that shines more and calls to me.
You are the star of my night sky.
The sun that lights the morning.

Everything is so sad, dark and lonely without you.

I live to find you
And die just to be by your side.
Dream just to be in your arms
If only for seconds in an imaginary world.

I just can not forget.
There is so much to tell.
But we're like the sun and the moon.
So far apart.

I'm so lost away from you.
Everything about you is sacred to me.
Your eyes, your mouth, your voice, everything.
I wait as long as necessary.

You're the star I want to achieve.
I take my feet off the ground and hope to fly
Up to you.
One day it will be real.


I feel the magic take care of everything.
Just when I think of you.
Words that come in some way.
How does your music come here and change my world.

Words felt.
Words sung.
A bit of me
And a piece of you.

When I hear you think
I can fly.
I can touch the sky.
Just hearing his voice I'm in heaven.

There must be some explanation of the universe
To live without Romeo Juliet.
This love will continue where I am.
Why is something that never died


Cheers and many kisses singer friend!